menu
Guaíra - SP | Whatsapp: 17 99101-5939
Maria Mandú
Guaíra - SP
ROUBO DE CARGA
POLÍCIA
POLÍCIA
ROUBO DE CARGA
Postada em 02/12/2016 ás 18h51 - atualizada em 02/12/2016 ás 18h51
Polícia investiga venda de fogões em Miguelópolis
Carga teria sido roubada em Presidente Prudente
Polícia investiga venda de fogões em Miguelópolis

Durante a terça-feira, 29 de novembro, a polícia Civil e Militar de Miguelópolis cumpriu sete mandados de busca e Apreensão na cidade de Miguelópolis. Os policiais procuravam fogões que seriam produto de roubo e teriam sido vendidos na cidade. Do total 3 fogões foram recuperados em residências na cidade e possivelmente essas pessoas irão responder pelo crime de receptação. A polícia não sabe ao certo quantos fogões teriam sido vendidos, estima-se que dezenas, pois o crime ainda está sendo investigado, aquelas pessoas que compraram e quiserem procurar a Delegacia de Polícia para devolverem o produto, podem fazer isso, pois, a investigação já tem nomes de possíveis compradores e valores pagos. Quanto ao vendedor da carga possivelmente roubada, o nome ainda não foi revelado. 

Segundo a polícia, essa carga de fogões foi roubada na rodovia Raposo Tavares, no município de Presidente Prudente (SP) no final de julho. Segundo boletim de Ocorrência, o motorista Mocimar Borges, 47 anos, conduzia a carreta próximo a Presidente Prudente, quando foi interceptado por uma pick up de cor escura e dois indivíduos desceram armados e já ordenando que ele saísse do caminhão. O motorista Mocimar foi levado para um barracão, depois no outro dia ele foi retirado do Barracão e levado para outro local sem poder ver o trajeto. Mocimar só foi liberado na rodovia Fernão Dias após os criminosos sumirem com a carga roubada. Durante todo o tempo ele foi ameaçado de morte e permanecia com a cabeça encapuzada. A carreta foi localizada, mas sem a carga, ninguém foi preso naquela data. A investigação já dura mais de quatro meses, o roubo ocorreu no dia 30 de julho. 





CARGA ROUBADO ESTARIA SENDO VENDIDA EM MIGUELÓPOLIS 

Em certo dia, um comerciante de Miguelópolis teria descarregado uma carreta de Açúcar na cidade e viu um fogão dentro dela e ofereceu uma quantia por ele, mesmo tendo alguns danos. O comerciante comprou este fogão por R$ 200,00. Depois de alguns dias, policiais Civis e Militares estiveram na empresa e acabaram apreendendo o fogão alegando ser produto de roubo. Este fato estourou nos meios policiais na mesma época em que foram encontradas cargas de açúcar roubadas em Barracões na cidade de Miguelópolis. O comerciante alegou não saber quem era o motorista que vendeu o fogão naquele dia, a partir daí uma investigação na cidade foi iniciada e com isso chegaram também a um possível nome de um vendedor e possíveis compradores desta carga, tanto que isso já resultou em mandados de busca e apreensão na data de ontem, 29 de novembro. Os policiais ouviram os compradores e o caso segue em investigação. Por enquanto ninguém foi preso ainda.


FONTE: Fábio Reis - Jornal Popular
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete

Nenhuma enquete cadastrada.

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium