domingo, 16 de dezembro de 2018
17 99131-2145
Política

08/03/2018 ás 23h22 - atualizada em 08/03/2018 ás 23h29

169

Maria Mandú

Guaíra / SP

Comissão aprova projeto da bolsa para alunos das Fatecs
Proposta do deputado estadual Roberto Engler está pronto para ser votado
Comissão aprova projeto da bolsa para alunos das Fatecs
Foto: Carol Jabcob/Alesp

A Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento aprovou, na tarde de ontem (7), o projeto de lei 570/2016, do deputado estadual Roberto Engler (PSDB), que autoriza a criação e a regulamentação, por parte do Poder Executivo, do Programa Bolsa Permanência para estudantes das Fatecs (Faculdades de Tecnologia do Estado de São Paulo). Agora, a proposta está pronta para ser apreciada pelo plenário da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.


A reunião da comissão foi presidida pelo próprio Roberto Engler, que comemorou a aprovação. “O avanço da nossa proposta é uma forma a mais de sensibilizar o Governo a implantar o Bolsa Permanência. Esse é um assunto pelo qual estamos trabalhando já há algum tempo. O trabalho vai amadurecendo e esperamos que a medida possa se consolidar em breve”, disse o deputado estadual Roberto Engler.


O projeto é fruto de entendimento que vem sendo desenvolvido entre o deputado Roberto Engler e o Centro Paula Souza. A aprovação do PL 570/2016 pode abrir caminho para a regulamentação do programa.


Os objetivos do Programa de Bolsa Permanência são viabilizar a permanência, no curso de graduação tecnológica, de estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, reduzir custos de manutenção de vagas ociosas em decorrência de evasão estudantil e promover a democratização do acesso ao ensino superior, por meio de ações de promoção do desempenho acadêmico.


“A evasão também não interessa ao Centro Paula Souza, já que, com as salas vazias, o custo de financiamento por aluno só aumenta. Ou seja, a bolsa permanência é um investimento fundamental e não um gasto”, ressaltou o deputado Roberto Engler.


O texto do projeto de lei não estabelece o valor da bolsa, algo que será estipulado pelo Poder Executivo, mas prevê que ao menos 1% do total de alunos das Fatecs de todo estado seja beneficiado com o auxílio.


O trabalho do deputado estadual Roberto Engler para a criação do Programa Bolsa Permanência vem sendo desenvolvido desde 2014. O parlamentar conseguiu a inclusão, nos orçamentos de 2015 e 2016, de recursos destinados a custear as bolsas, no entanto as verbas foram contingenciadas.


Roberto Engler é autor ainda de duas indicações pedindo a implantação do Programa Bolsa Permanência ao governador Geraldo Alckmin (PSDB).

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium