Segunda, 25 de junho de 2018
17 99131-2145
Política

07/03/2018 ás 23h39

90

Maria Mandú

Guaíra / SP

VEREADORES VERIFICAM SITUAÇÃO DE ABANDONO DE OBRA DA ETE
Os vereadores Moacir João Gregório e Maria Adriana Gomes foram verificar a atual situação da obra de construção da Estação de Tratamento de Esgoto, paralisada desde o final do ano passado
VEREADORES VERIFICAM SITUAÇÃO DE ABANDONO DE OBRA DA ETE
Os vereadores Moacir Gregório e Maria Adriana Gomes durante visita as obras de construção da Estação de Tratamento de Esgoto

Os vereadores Moacir João Gregório(PSB) e Maria Adriana Gomes (PT) visitaram as obras de construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que está paralisada desde o final do ano passado e sem previsão de ser reiniciada.


A obra da Estação é um convênio entre o município e da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), e prevê a construção de emissários que ligariam o esgoto coletado nas três lagoas de estabilização para um único local, onde receberá o tratamento adequado.


A previsão inicial de investimento é de R$ 6 milhões. A obra já esteve paralisada por duas vezes. Nesta última, segundo informações do Poder Executivo é devido a problemas financeiros enfrentados pela empresa que era responsável pela construção.


Os vereadores verificaram que a obra está em completo abandono, sendo prejudicada pela ação do tempo. “Pelo que percebemos a obra está paralisada e sem nenhum tipo de cuidado por parte da empresa ou poder público. Isto demonstra que pode ser depredada e também sofrer com a ação do tempo, que acarretará prejuízos aos cofres públicos”, destacou a vereadora Maria Adriana.


Durante a visita os vereadores verificaram que não existe segurança no local, facilitando o acesso de pessoas sem autorização. “A obra representa risco até para as pessoas e crianças que podem cair nestes tanques de tratamento de esgoto. O poder público precisa tomar uma atitude para evitar que acidentes ocorram e o dano seja ainda maior”, destacou Moacir Gregório.


Os vereadores cobram providências da atual administração e criticaram a morosidade com que tratam as obras no município. “O poder público tem que agir o mais rápido possível. Com dinheiro público não se brinca”, destacou Moacir. “Devido a importância desta obra que vai abrir caminho para a construção de casas, acredito que o atual governo deveria ser mais ágil para resolver os problemas burocrático e dar continuidade a construção da ETE”, frisou Maria Adriana.


Os vereadores também formularam requerimento solicitando informações sobre a atual situação do convênio, da liberação de recursos e continuidade da obra, que é de responsabilidade da administração municipal.

FONTE: Câmara Municipal de Guaíra SP

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium