Sábado, 17 de Abril de 2021 11:33
17 99131-2145
Saúde Inclusão

Governo de SP celebra o 2 de abril com a websérie informativa "Autismo: entender para incluir"

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência é responsável pela programação do Dia Mundial de Conscientização do Autismo

04/04/2021 14h45 Atualizada há 1 semana
Por: Camilo Prata Fonte: Assessoria de Imprensa da Secretaria
Logo Secretaria do Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Logo Secretaria do Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Na última sexta-feira, 2 de abril, foi celebrado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. Data que esclarece questões sobre as pessoas autistas, suas particularidades e seus direitos. Pensando nisso, a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência convidou pessoas autistas e especialistas para debaterem sobre os principais temas que envolvem o autismo.
 
A websérie "Autismo: entender para incluir" acontece nos dias 5, 6 e 7 de abril, por meio das plataformas oficiais do Facebook e Youtube da Secretaria (PessoaComDeficienciaSP), às 18h, com interpretação de libras.
 
Para a compreensão sobre a importância dessa data, os temas escolhidos para abordagem pela websérie serão direitos, educação, saúde e trabalho, contemplando os avanços e desafios da inclusão.

Cada tema será explorado em um episódio da websérie, que trará também pessoas autistas para darem seus depoimentos e pontos de vista sobre a temática explorada naquele capítulo.
 

O TEA
 
O Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) é o termo técnico do DSM-V (Manual de Diagnóstico e Estatística dos Transtornos Mentais 5.ª edição) para designar o autismo e suas características, é como os médicos e profissionais da saúde tratam a questão.
 
O autismo é uma deficiência porque as características pessoais da pessoa autista (dificuldades sensoriais, de relacionamento social e comportamentais) em interação com as barreiras físicas, atitudinais e comunicacionais impostas pela sociedade, impedem uma participação em igualdade de condições com as demais pessoas, exatamente como está definido na Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência.
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.