Sábado, 17 de Abril de 2021 10:42
17 99131-2145
Política Vale a pena conhecer

VOCÊ CONHECE A ANATOMIA DO SERVIÇO PÚBLICO?

Sindicato dos Servidores Públicos de Guaíra descreve com propriedade

01/04/2021 23h02 Atualizada há 2 semanas
Por: Camilo Prata Fonte: Perfil do Facebook do Sindicato dos Servidores Públicos de Guaíra
Aspone é uma gíria brasileira composta das letras iniciais da frase ASsessor de POrra NEnhuma. Refere-se àquele tipo de pessoa que faz parte do quadro de funcionários de uma empresa ou repartição pública, mas na verdade não tem função alguma, por ser completamente desnecessário ou não trabalhar - está ali por ter apadrinhamento político ou familiar - significando apenas um ônus a mais na folha de pagamentos. O Aspone também pode ser o típico funcionário puxa saco do chefe, servindo-lhe como um Staff, que não soma nada. Ele adora entregar os colegas, sendo um verdadeiro
Aspone é uma gíria brasileira composta das letras iniciais da frase ASsessor de POrra NEnhuma. Refere-se àquele tipo de pessoa que faz parte do quadro de funcionários de uma empresa ou repartição pública, mas na verdade não tem função alguma, por ser completamente desnecessário ou não trabalhar - está ali por ter apadrinhamento político ou familiar - significando apenas um ônus a mais na folha de pagamentos. O Aspone também pode ser o típico funcionário puxa saco do chefe, servindo-lhe como um Staff, que não soma nada. Ele adora entregar os colegas, sendo um verdadeiro "X-9", "dedo-duro", pois acredita que com essa atitude terá mais status com seus superiores Imagem Ilustrativa: gato jogando paciência no computador

O tempo passa, os anos mudam, mas continuam as atrocidades dignas de um ensaio sobre a Idiocracia.

Apadrinhados políticos, cargos de confiança e SEM CONCURSO vêm tentando utilizar os cargos com os quais foram presenteados para tentar dissuadir os mais humildes de buscarem seu direito.

Ludibriam os que possuem pouco conhecimento e baixa escolaridade.

Inventam leis que não existem, impõe regras ilegais, criam empecilhos, levantam barreiras, procrastinam, prevaricam, usurpam competência, emitem opiniões sem embasamento...

Enfim, enganam os que possuem menos conhecimento, tentam iludir os ocupantes de menor padrão e fazem com que as pessoas fiquem de um lado para o outro, com seu pedido na mão, rodando com seus problemas sem solução e, assim, evitam o ônus e ganham o bônus.

Possuem má vontade, preferem a burocracia ao diálogo, demoram em tudo, pois desconhecem a rotina.

Foram colocados por apadrinhamento e devem perguntar tudo para o CONCURSADO e preferem enrolar do que se esforçar.

São mestres na arte do engodo.

Mas, quando batem de frente com quem conhece seu direito, com quem conhece a lei, com quem sabe o que diz, o que pensa e tem peito para bater de frente, terminam por serem desmascarados na frente dos que os rodeiam e que, apesar de saberem desses desmandos, preferem suportar a arrogância dos ASPONES e continuar a vida sem embate do que discutir com os ineptos.

Nosso Sindicato é contra esses procrastinadores, esses usurpadores, esses oportunistas e continuará sendo contra aqueles que tentam pisar nos humildes, passar os que detém pouco conhecimento para trás e enganar os que realmente ocupam uma vaga no serviço público por mérito.

Nosso dever é bater de frente com a injustiça e não há ASPONE que nos faça esmorecer!

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.