Quarta, 23 de outubro de 2019
17 99131-2145
Saúde

14/09/2019 ás 01h42

65

Maria Mandú

Guaíra / SP

Confirmados dois casos de sarampo em Guaíra
.
Confirmados dois casos de sarampo em Guaíra

Foram confirmados dois casos positivos de sarampo em Guaíra e esta ocorrência vem reforçar a recomendação para que todos fiquem atentos as carteiras de vacinação, verificando se tomaram as doses necessárias (Indicação da vacina Tríplice Viral – SCR- no texto).


Em 6 de agosto a Vigilância em Saúde coletou exame do primeiro caso suspeito, uma criança de nove meses que ainda não tinha idade para a primeira dose da vacina SCR (Sarampo, Caxumba e Rubéola). Foram coletados amostras de sangue e secreções.


No dia 13 de agosto o procedimento se repetiu num segundo suspeito, outra criança, esta com 1 ano e 1 mês, que tomou a com a 1ª dose de SCR.


Ambas crianças apresentavam os sintomas característicos ao sarampo: febre, exantema (pequenas manchas vermelhas), tosse e coriza. Nenhuma delas frequenta escolinha ou creche, não saíram da cidade, nos 30 dias anteriores a apresentação dos sintomas,  nem tiveram contato com caso semelhante.


Em 27 de agosto foram feitos os mesmos exames de um paciente adulto de 27 anos, vacinado com duas doses de SCR, mas que retornou do Estado de Goiás 2 semanas antes de ficar doente.


No dia 3 de setembro o IAL (Instituto Adolf Lutz) de Ribeirão Preto liberou a Identificação Viral das 2 crianças com resultado inconclusivo. No entanto no 9 de setembro, a confirmação dos casos nos bebês veio com a detecção de anticorpos.


A Vigilância em Saúde agora aguarda o resultado dos exames do terceiro caso, o adulto. Porém já tomou todas as medidas de prevenção, orientações e vacinação de bloqueio. Independente da confirmação desses dois casos as ações de intensificação da vacinação às pessoas suscetíveis continuam.


INDICAÇÃO DA VACINA TRÍPLICE VIRAL (SCR):


No esquema vacinal crianças e adultos jovens de 1 a 29 anos tem que ter 2 doses; adultos de 30 a 59 anos, que devem ter tomado pelo menos  1 dose; profissionais do ramo da saúde, devem ter 2 doses, independente da idade. E, as crianças de 6 a 11 meses: 1 dose (dose 0), reforçando que devem tomar a 1ª dose aos 12 meses e a 2ª dose com 1 ano e 3 meses.  Todas esta idades elencadas devem comparecer aos postos, de preferência com a carteira de vacinação, no entanto quem não tiver o documento, também deve ir a unidade para se imunizar.

FONTE: Prefeitura Municipal de Guaíra - SP

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium