Segunda, 17 de Janeiro de 2022 17:02
17 99131-2145
Política Marketing Político

FAZER O ESSENCIAL SEMPRE

.

10/09/2021 00h00 Atualizada há 3 semanas
Por: Camilo Prata Fonte: Guaíra em Pauta
FAZER O ESSENCIAL SEMPRE
"Que tempos são estes,
em que temos que
defender o óbvio?"
Bertold Bretch
A história da página Guaíra em Pauta coincide no tempo com a história do slogan "FAZER MUITO EM POUCO TEMPO". A peça publicitária foi implantada pelo mandato interino em maio e noticiada pela página em seus primeiros dias. Inicialmente, tratava-se do “A ARTE DE FAZER MUITO EM POUCO TEMPO”. Foi substituída e suprimida “a arte”, privando ou poupando a população de “saber como se faz ” para apenas conhecer “o que se faz” ou “o que se tenta fazer”.
Nosso objetivo, ao resgatar o tema, é mostrar o que teria dado tempo de fazer - começar e terminar – nos quatro meses de slogan. Na contramão das grandes conquistas com o governo estadual, que não foram entregues efetivamente à população ainda, estão as pequenas obras, miudezas perto do orçamento anual da Prefeitura. Ou seja, dizem respeito às manutenções da cidade, também conhecidas como “zeladoria”, naquilo que temos chamado de FAZER O ESSENCIAL SEMPRE.
Segundo o Dicionário Online de Português, o significado da palavra "essencial": O que é imprescindível; muito necessário; fundamental. O que não pode ser deixado de lado nem ignorado: o essencial para uma mãe são os filhos. Que expressa o mais relevante ou significativo de algo; necessário. Próprio a algo ou alguém; característico: a inteligência é sua característica essencial. Que é primordial; que não se pode dispensar; indispensável: funcionário essencial. Etimologia (origem da palavra essencial). A palavra essencial deriva do latim "essentialis,e", relacionado com a essência das coisas, com o que está no seu núcleo.
Assim, levantamos e publicamos alguns tópicos daquilo que consideramos essencial nos últimos meses e daria para ter sido resolvido, caso priorizado pela administração pública: Acervo do Museu Municipal, Decks do Parque Maracá, Antiga Praça do Jardim Eldorado (Julio Bondezan), Bancos de espaços públicos, Vacinação, Pintura e Rampa do Paço Municipal. Longe de esgotar a listagem daquilo que foi e continua sendo essencial, contamos com sua colaboração nos comentários.
Em quatro meses em vigor deste slogan, que enche de expectativa e afronta à população simultaneamente, daria para ter cuidado do “essencial” e ter deixado a casa em ordem. Foram quatro meses de mandato com slogan inspirador, quatro meses sem slogan inspirador e, em ambas as situações, pouca resolutividade! O FAZER MUITO prometido diz respeito, apenas, aos muitos anúncios, promessas e entregas futuras. Portanto, com sério risco de não passar de ilusão.
Se a cultura fosse do FAZER O ESSENCIAL SEMPRE, seria mais que natural a prática do "quebrou, consertou", princípio tão comum na casa da maioria dos guairenses. Assim, a cobrança do mínimo ou da miudeza seria impensável ou fora da realidade. Seguir o pensamento do "menos que é mais" teria sido possível com o auxílio dos servidores públicos, mas não com a ajuda de um marqueteiro político.
 
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Coluna do Pratinha
Sobre Coluna do Pratinha
Espaço de opinião, crítica e comentário de Camilo Prata que é apaixonado pelo comportamento humano, interação, comunicação, informação e política.
Guaíra - SP
Atualizado às 16h53 - Fonte: Climatempo
33°
Pancada de chuva

Mín. 21° Máx. 33°

33° Sensação
5.7 km/h Vento
38.5% Umidade do ar
80% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (18/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 35°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quarta (19/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 34°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.